segunda-feira, 8 de setembro de 2014

AUTOSSUFUCIENTE


De ti, homem sozinho
Que vive sem com os outros se importar,
Sinto raiva e compaixão.
Raiva pelo caminho:
Não há como sozinho caminhar.
E compaixão pela solidão:
Nunca entenderá o que é amar.

*AlexMaciel

Nenhum comentário:

Postar um comentário